Standard

Sempre me dou conta das coisas que aprendi com a minha mãe e que fazem eu ser quem eu sou hoje, pq assim, eu costumo ouvir e entender certos conselhos, e daí me dou razoavelmente bem. Mas nem todo conselho a gente entende pq a gente é criança e retards ¯\_(ツ)_/¯ Hoje me dei conta de um ditado que ela falava sempre e que eu só posso nunca ter colocado em prática, só assim pra explicar passar pelo que eu passo. É algo sobre não jogar pérolas aos porcos, tipo, não dar coisa importante a quem não merece e nem vai se dar conta. Pq assim, porcos não são lá bons apreciadores de jóias… Me dei conta disso hoje. Tenho jogado muita pérola pra muito porco por aí, e por isso nego não dá valor e eu fico puta, mas que culpa o porco tem? Ele lá sabe o que é pérola? Que culpa o ajudante tem? Ele lá sabe o que é mulher de verdade? Ou que culpa o Shrek tem? Ele lá sabe o que é mulher de verdade? Não, nem um dos dois, o que eles querem é muito menos do que eu posso oferecer, e se eu perco meu tempo, shame on me. Assim que de hoje em diante (espero!) pérolas a príncipes, e lavagem aos porcos. E tenho dito.

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s