Perfection as a hipster

Standard

Tenho essa mania de imaginar coisas, to lá vivendo e em alguma coisa e penso em como aquilo poderia ser mais fácil/divertido/legal e etc. Como as coisas seriam perfeitas se dessem certo, e como dariam certo se as pessoas fossem menos. Daria exemplos, mas exemplos me comprometem, logo vou alegorizar: Eu+Skins+Comerciante+cama+produtos ilícitos e produtos lícitos não muito recomendados+fim de semana=perfeição*. Fico imaginando a perfeição que minha vida seria. Mas só eu vejo isso. O que me consola é que o tempo passa, o mundo dá voltas, e uma hora ou outra as pessoas que não enxergavam a perfeição começam a enxergar, o ruim é que sempre que o tempo passa minha visão de perfeição muda radicalmente. O que hoje seria perfeito se torna completamente inadequado. Ai mermão, me resta dizer: – perdeu playboy.

*Essa soma é só uma ilustração, o que me levou a escrever foi outra idealização, envolvia academia, envolvia minha preguiça, e como seria mais fácil morar mais perto e cozinhar com mais frequencia, mas não posso postar pq sempre que posto sobre alguém a pessoa lê. Nunca me leu na vida, eu falo, a pessoa lê. Parece praga.

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s